17 de mai de 2013

Se eu soubesse...








       
          Não sei ao certo se te amei. O que eu sentia ao seu lado parecia concreto, mas quando não estava com você, tinha minhas dúvidas. Dúvidas. Minha cabeça está cheia delas. Você nem chegou a saber o quão confusa minha cabeça é. Ou quão complexo meus pensamentos podem ser. Nem as minhas manias insuportáveis você chegou a conhecer. Mesmo assim, você apaixonou-se por mim. E assim permaneceu, por tempo demais. Minha prima disse que seus sentimentos por mim continuam os mesmos.
         Sinto-me tão culpada. O que diabos eu fiz, meu Deus? Quando menos esperava, nossos lábios já haviam se encontrado e minhas mãos acariciavam seus cabelos. Por duas semanas fui a garota com quem sonhou. Eu não sabia, meu bem, juro que não sabia. Achava que era apenas mais uma paixonite de verão. Fui embora sem me despedir. Não foi por querer, não esperava ir tão cedo. 
        Eu te magoei e não foi certo. Um ano passou-se depois daquele dezembro. Mas ainda lembro dos seus braços ao redor da minha cintura, tentando proteger-me do frio, do seu cafuné, do seu sorriso bobo ao me ver. Ah, querido, se eu soubesse naquela época, tantas coisas poderiam ser diferentes...

6 comentários:

  1. Que lindo texto !
    Amei seu blog, já estou seguindo , retribui ? ;)
    http://cerejacibernetica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Nossa, como vc escreve bem !
    Parabens !
    Amei !
    Já estou super seguindo e te convido a me seguir tb e curtir a fan page do meu blog:
    nossoblogdemodaa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Eu adoro esse tipo de texto, acho que eles expressam bem os sentimentos.. adorei!!! Seguindo aqui e sucesso sempre!!

    Beijos;*

    www.bloghelenacampos.com

    ResponderExcluir
  4. É tão bom encontrar blogs assim <3

    * Visite meu blog: www.estilodegarotab.blogspot.com *

    ResponderExcluir

© Apesar de Você- Julia Calvacante - 2013. Todos os direitos reservados.
Criado por: Tamires PereiraSakurart.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo